"A distância social mais espantosa no Brasil é a que separa e opõe os pobres dos ricos.
A ela se soma, porém, a discriminação que pesa sobre negros, mulatos e índios, sobretudo os primeiros".

Darcy Ribeiro


Moradores de Planaltina vão à Administração pedir explicações sobre o racionamento de água
Moradores suspendem fechamento da BR 020 e avaliam ação na Justiça

Moradores de Planaltina, Vale do Amanhecer, Sobradinho, Lago Oeste e região suspenderam a mobilização pelo fechamento da BR 020 na manhã de hoje (19/10) para avaliar alternativas. O grupo vai se reunir hoje às 14h, na Praça da Igreja São Sebastião, em Planaltina.

Valdelice da Silva, uma das coordenadoras do movimento, disse que além de nova audiência com as autoridades do GDF, o grupo estuda uma ação na Justiça contra a Caesb. "Hoje, no Brasil, só a Justiça, a depender do juiz, tem alguma efetividade", conclui.

Moradora da Estância de Planaltina, Cristina Oliveira, está indignada com a súbita decisão da Caesb de fazer racionamento na cidade sem aviso prévio. "Meus filhos estão sem aulas desde ontem (18/10) na escola porque lá não tem água, e só voltarão a ter aula na segunda (23/10), se houver água".

Os moradores desconfiam que a água da barragem do Pipiripau está sendo desviada clandestinamente sem a fiscalização da Adasa.

A VERSÃO DA CAESB - A Caesb informa em seu site, após o movimento de moradores ter se rebelado contra o corte de água sem aviso prévio, que os córregos responsáveis pelo abastecimento das regiões Norte e Sul do Distrito Federal estão apresentando significativa redução de sua vazão, prejudicando a captação de água bruta para tratamento e distribuição para a população.

Segundo a Caesb, "o volume desses córregos tem diminuído expressivamente em função do longo período de seca e altas temperaturas no DF e das retiradas excessivas de água das áreas de irrigação".

Em função da indisponibilidade hídrica dos mananciais de captação a Caesb está realizando, como medida temporária, cortes sucessivos no abastecimento de algumas regiões para preservar os níveis de reservação e evitar falta de água em maior proporção.

Seguem as novas regiões afetadas:

Região Norte: Planaltina, Mestre D’Armas, Vale do Amanhecer, Sobradinho I e II.

Região Sul: Brazlândia
 
Um dos fatores responsáveis pela crise hídrica no DF é o excessivo atraso na conclusão da adutora que deveria trazer água de Corumbá IV para o reservatório de Santa Maria.

O governador Rodrigo Rollemberg (PSB) anunciou que essa obra só será concluída em 2018. Enquanto isso, a população sofre com as altas temperaturas e a baixa umidade. Agora, ainda fica sem água.

Os responsáveis pela aplicação dos recursos destinados à adutora de Corumbá IV também deveriam ser cobrados neste momento.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Destaques

Mais Artigos

Romário Schettino - É assim que deveria se chamar a CPI dos Maus Tratos às crianças e adolescentes, que o Senado instalou sob a presidência do...
(48)